segunda-feira, 10 de maio de 2010

Melaço


O mel que invade a minha alma
Que deixa o meu coração sem chama
O fogo que entra em cada momento
O poder da paixão atormentado
Carinho que diz o que eu quero
O sabor da verdadeira face do amor
A angústia do meu viver
A felicidade que me faz crescer
Melaço! A melhor alma dos Deuses
Melhor vinho do amor
Carícia do momento
A vitória de todas as paixões;
Sonhos de querer não estar acordado,
Mel… carinho do sucesso e da verdade
Sentido do desejo e da paixão…
Querer ser e não ser de verdade
Viver enganado a vida inteira
Esconder-se dentro duma esteira
O feitiço que vêem sem agente querer
Nem em cada instante aceita dizer! …
Amo para ser amado
Vivo para ser feliz
Não luto para ser enganado
Muito menos para ser infeliz
Que sabor é este que nos condena!
Mel! Melaço para vida toda…

20 comentários:

Brilho da Lua disse...

Sonhos de querer não estar acordado...vivo a sonhar estes sonhos...

Amo pra ser amado... e eu apenas queria que me deixassem amar...

Vivo pra ser feliz...eu também!!!
beijokas

Aryane Pinheiro.:

Rosane Marega disse...

Lindo!Parabéns!

Valéria disse...

Mas que bela metáfora!!!

BeijooO'

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Muito bonito esse comentário! Realmente o mel do amor é o melhor sabor da vida.
boa semana. E gostei da sua veia poética, escreva sempre!
Abraços

Jorge disse...

Viva Florentino!
Lindo poema, bem elaborado; em que na metáfora do mel o difícil é alcançar "o ponto".
Devemos aprender a pensar contra as nossas dúvidas e as nossas certezas; só assim, os nossos sonhos se poderâo concretizar.
Continua. Estás no bom caminho...
Um abraço amigo
Jorge

Lady disse...

Belíssimo!
Parabéns!
Tenha uma ótima semana.
Bj

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Muito bonito, parabens

Maria Clara disse...

Olá!
Gostei do seu jeito. Gostei da sua persistência no meu blog. Obrigada. Parabéns por este momento de poesia.

Amapola disse...

Boa tarde, amigo Florentino.
Belo poema!
O continente Africano ocupa um lugar especial dentro do meu coração. Eu não sei explicar com palavras... mas sei que isso é amor!

Um grande abraço.

Naty Araújo disse...

Ta lindo esse... pude sentir esse mel, que maravilha..

Beijos

HAZEL disse...

Florentino poeta!!
Gostei muito!

Maria José disse...

Lindo poema, meu amigo. Obrigada pelas palavras no Dia das Mães. Beijos e fique com Deus.

Jose Sousa disse...

Oi Florentino... tudo bem? tu disseste, e muito bem... já aqui tentaram e não conseguiram! isso é verdade, o pior é que estão aí outros que já estão a roubar, os angolanos, pior do que nunca.
Um grande abraço e quero te dizer que gostei deste teu poema. Parabens e vai dando noticias aí de Benguela. Se quizeres o meu E-mail é: kwachta@hotmail.com

Rosane Marega disse...

Olaaa!
Eu gostei tanto desse cantinho que aqui estou eu passeando em tuas escritas de novo...posso né?
Beijos em teu coração!

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

A ti, meu querido Florentino, o meu beijo e a minha amizade, sem a qual eu não seria por inteiro.

*Uma onda irrompe raivosa no rochedo, quebra-se toda
em violenta espumarada branca, sibilante,
e ricocheteia, recolhendo o fôlego, irada, frustrada –
que belo!

Espuma do Mar
D. H Lawrence*
Trad. da Renata

Qual o Sabor? Do Amor.
Tudo de Bom e não desista jamais!

Palavras de Osho disse...

maravilhoso...

Lucimara Souza disse...

Wow!
Lindo... Meus parabéns!
bjs
Obigada pelas visitas lá em meu blog.

Rosane Marega disse...

Oiee...obrigada por suas palavras de carinho em meu blog e que bom que você gosta do que escrevo, isso aumenta minha inspiração para escrever mais e mais.
Beijos em seu coração e um dia MARAVILHOSO!

Rosane Marega disse...

Oiee... meu querido, eu estou bem sim, foi apenas um momento triste mas, ja foi embora e ja estou sorrindo e feliz, obrigada por esse carinho, vc ja faz parte de minha lista de AMIGOS ESPECIAIS, beijos nesse coração maravilhoso e fique com Deus... bom acho que vou navegar um pouquinho em tuas escritas, adoro o que escreves... beijossss

Rosane Marega disse...

Bom dia pessoinha especial e que a sua vela do amor também nunca se apague.
Beijos em seu coração e obrigada por seu carinho em meu blog.