segunda-feira, 3 de maio de 2010

Voltar

Voltar,


É reviver emoções, ver a minha terra ver os meu irmãos a familia

Sem poder pertencer novamente, mas pertencer
À mesma cena ou à mesma paisagem!
Voltar,


É ser criança outra vez,

Experimentar aquele aquela aqule que é so meu...

Aquele que não tomei mais!

6 comentários:

Alguém... disse...

Gostei =)

Jorge disse...

Viva FLORENTINO!
Ainda bem que voltaste.
Há semppre algo de criança que permanece em nós.
Este teu poema, convida-te a viajar no tempo e recordar os teus tempos de criança.
Conta comigo, Florentino.
Um abraço.
Jorge

Valéria disse...

Que lindo, voltar é sempre bom, reviver emoções então!

BeijooO'

HSLO disse...

Gostei...se permita então a ser criança e seja sempre feliz.

abraços


Hugo

Irene disse...

Olá !!!!!!!!

Saudades de vc !!

Voltar para junto de pessoas queridas ou de doces emoções é, realmente, um conforto para a alma e uma alivio para o conração.

obs: estou sumida dos blogs pq preciso resolver alguns assuntos profissionais urgentes.

abraçosssssss

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Poxa, que gostoso isso, rever a família.
Moro longe de meus pais (eles estão no Brasil e eu no Japão), entendo o seu sentimento. é o mesmo qdo eu os revejo.

Que sejam muito felizes sempre. Abraços