segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Lobito 100 Anos


Lobito 100 Anos! Das barbas velhas e bigode a babar óleo podre do Motor;  

 Lobito 100 Anos! Da Poeira da calumba a Catumbela, dos Buracos da alto esperança;

Lobito 100 anos! Das Mortes dos Kupapatas da estrada da bela Vista, na ignorância do papoite;  

Lobito 100 Anos! Das giróvagas do perigoso onde os nossos cotas matam a sua sede;

Lobito 100 anos! Dos tais Ngana soba que vendem desordenadamente os terrenos;

Lobito 100 Anos! Dos azulinhos que não param de cobrar nas ruas, estradas, lucrando nas Fardas;

Lobito 100 Anos! Das empresas que despendem os trabalhadores sem justa causa; 

Lobito 100 Anos Com Sede de Justiça onde a restinga de lazer vira parques de Hotéis;

Lobito 100 Anos! Dos aplausos da ignorância embebedando com o maquiavelismo do tio Mateus;

Lobito 100 Anos a cidade dos ignorantes, ignorando tudo e tudo Mais;

Lobito 100 Anos! Do mau cheiro que inalamos da pediatria á estação de serviço,

Lobito 100 Anos a Cidade em Marcha a sala de visitas de Angola.

Florentino Calei

1 comentário:

Arte & Emoções disse...

Olá Florentino! Passando para te cumprimentar e, especialmente, para te desejar um excelente Natal e um magnífico 2014, repleto de muito amor, paz, saúde, felicidades e realizações, extensivo a todos os teus familiares.

Abraços e fiques com Deus.

Furtado.