quinta-feira, 1 de julho de 2010

Quem São os Verdadeiros Inimigos da Pátria?

Sou filho de uma sociedade intensamente militarizada, profundamente politizada e onde, durante longos anos, a força e a prepotência primaram sobre a razão e o Direito. Faço parte de uma geração que cresceu sob uma cultura de medo, terror e opressão das consciências. Por isso, nunca escondi os medos que sinto em partilhar convosco as minhas experiências e expor, publicamente, as minhas ideias.


Há 6 anos que o Semanário Folha 8 faz questão de publicar as minhas reflexões. E movido pelo desejo de partilhar as minhas ideias com o maior número possível de angolanos e amigos de Angola, há 5 anos que elas são divulgadas no blogue «Angolainterrogada».
Acontece que essa exposição pública tem-me trazido alguns incómodos. É que as pessoas que não se revêem na minha forma de pensar e sentir Angola recorrem com frequência aos ataques pessoais para rebaixar as minhas ideias e demover-me das minhas convicções.
Sou um orgulhoso filho do Huambo. Nunca risquei este facto dos meus documentos e sempre assumi publicamente as minhas origens, mesmo durante os dolorosos anos de guerra em que ser do Planalto Central era uma espécie de maldição. Por isso, tenho conseguido tolerar os insultos dos tribalistas que me apelidam de agente dos obscuros interesses da UNITA e me acham menos angolano por ser do Huambo.
Sou um cidadão ciente dos seus direitos e das suas obrigações cívicas. Mas sei perfeitamente que não é fácil exercitar a cidadania e questionar o rumo do País, numa altura em que, entre nós, ganhou força a ideia de que Angola está definitivamente bem. Por isso, tenho conseguido suportar os ataques pessoais dos fanáticos seguidores do governo de Eduardo dos Santos que me consideram mais um elemento do grupo de opositores do nosso esforçado governo e me colocam no grupo de agentes ao serviço das forças ocultas que teimam em não querer que Angola avance.
Há, contudo, uma ofensa que eu não aceito nem tolero: Dizerem que eu não sou um verdadeiro angolano por estar sempre a falar mal de Angola e não ser capaz de reconhecer o grande esforço do governo.
Desculpem lá, mas isso eu não aceito. Não admito que questionem o meu patriotismo e ponham em causa a minha angolanidade pelo simples facto de opinar, abertamente, sobre a amarga realidade do nosso problemático País e recusar-me a aceitar, cegamente, as velhas técnicas de maquilhagem dos problemas que têm emperrado o nosso promissor país.
Os fanáticos apoiantes do Governo têm imensas dificuldades em libertar-se da mais eficaz técnica de propagada imposta pelo MPLA de dos Santos: a armadilha da politização dos problemas de Angola.
Tudo em Angola está politizado. Lembro-me, por exemplo, de, no auge do conflito angolano, ir a um almoço em que os convidados que escolhessem comer o funge de milho eram considerados da UNITA e os que escolhessem comer funge de mandioca eram do MPLA!
Tudo em Angola está politizado. Se reclamas dos governantes, exerces os teus direitos e exiges uma vida digna, és automaticamente colocado no grupo daqueles que são contra o glorioso MPLA; passas a ser conotado com a oposição. Enfim, passas a ser visto como mau angolano e inimigo da pátria.
Assim, os puros angolanos e os verdadeiros patriotas são aqueles que se conformam perante o desigual usufruto dos lucros das nossas riquezas. São aqueles que não fazem caso da mediocridade dos nossos dirigentes. São aqueles que toleram os desmandos dos nossos políticos. São aqueles que louvam o mau desempenho dos governantes na gestão dos nossos recursos e na criação de condições que contribuam para o bem-estar físico e espiritual de todos os angolanos.

Não há em Angola um sistema de saúde eficiente. Os angolanos não conseguem ser tratados com humanismo e competência em Angola, em Hospitais angolanos e por médicos angolanos. Os dirigentes continuam indiferentes ao desumano estado da saúde nacional e persistem no sustento de uma rede privada de cuidados de saúde. Assim, mínima tosse, lá estão eles a correr para as clínicas da Namíbia. Para arrancar o dente, vão à África do Sul. Para fazer análises, vão ao Brasil. Para serem bem cuidados e aumentarem mais uns anos de vida, vão às clínicas de Portugal, Espanha e Inglaterra.
E todos os angolanos têm sido obrigados a seguir o mau exemplo dos dirigentes. Por isso, quem protesta e exige um sistema de saúde digno é, automaticamente, colocado no grupo daqueles que são contra o glorioso MPLA; passa a ser conotado com a oposição. Enfim, passa a ser visto como mau angolano e inimigo da pátria.
Assim, os puros angolanos e os verdadeiros patriotas são aqueles que não exigem o pleno usufruto das condições médicas e medicamentosas que lhes permitam viver neste mundo o mais tempo possível. São aqueles que aceitam calados as miseráveis condições dos hospitais públicos e o desumano estado da saúde nacional. Enfim, os puros angolanos e os verdadeiros patriotas são aqueles que andam de óbito em óbito e aceitam como vontade de Deus a imerecida morte dos seus entes queridos por causa de doenças facilmente curáveis.




José Maria Huambo
Fonte - http://www.angolainterrogada.blogspot.com/

12 comentários:

Léo Santos disse...

Bah! Que bom que te encontrei... Há tempos estou atrás de um blog angolano atualizado, pra que eu possa me interar sobre os assuntos do teu país, tenho muita vontade de interagir com gente dos países africanos que falam a língua portuguesa, porém, confesso que tenho encontrado certas dificuldades pra encontrar na blogosfera! Portanto, sigo lendo-te...

Um abraço!

Sandra Botelho disse...

Essa injustiça social é que nos faz parecer menos racionais.

Bjos achocolatados. Vim convidar para conhecer Female.

Bjos achocolatados

Jorge disse...

Olá, Florentino,
Li com muita atenção, este texto.
Quem diz o que pensa sujeita-se a cair no desagrado, por isso, admiro a coragem e o desassombro com que aqui é exercido um direito de cidadania.
Os arrivistas vêm que o partido do poder lhes oferece meios mais seguros de promoção.
Num país onde os pobres não têm janelas de oprtunidade, conquistar algo é quase um milagre.
Um abraço amigo.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Florentino! Eu costumo sempre dar valor a autenticidade das pessoas, dizer o que acha e o que sente sem temor de qualquer tipo de represália, e assim, não se igualar a muitos covardes que existem neste mundo de DEUS.

Adorei o texto, muito consistente e muito bem coordenado, só que aborda um assunto que não me diz respeito pelo fato de eu não ser angolano, porém, me toca por eu ser um ser humano. A má administração pública é uma praga que assola em toda parte, em umas mais, em outras menos. Infelizmente esta é a realidade atual. O dirigente de hoje não sabe o significado de humanidade, solidariedade, responsabilidade e, o pior, honestidade.

Bom, é melhor parar por aqui.

Abraços e que DEUS tenha piedade de nós.

Furtado.

Anónimo disse...

Hellο, i think that i ѕaω you ѵisited my blog thus i сame to retuгn the ρrefer?
.I'm trying to to find issues to enhance my web site!I guess its ok to make use of some of your ideas!!
Have a look at my blog post :: V2 Cigs review

Anónimo disse...

Thank you a bunch for shаring this with all folκs you
actually realize what you аre speaking abоut!
Boοkmaгked. Kindly аԁditionаlly seek
аdvicе from my web site =). We may hаvе a lіnk change contraсt between us

Rеview my page www.sfgate.com

Anónimo disse...

It's not my first time to pay a visit this web page, i am browsing this site dailly and obtain fastidious information from here every day.

Here is my weblog; v2 cigs

Anónimo disse...

Heу theгe! This іѕ kind of off
tοpic but I nееԁ some help frοm an establiѕhed blog.
Ӏѕ it vеrу hard to set up your own blοg?
I'm not very techincal but I can figure things out pretty fast. I'm thinκing about setting up my
own but I'm not sure where to begin. Do you have any tips or suggestions? Thanks

Here is my homepage www.sfgate.com

Anónimo disse...

Hey! I know this іѕ kindа οff
topіc neverthеleѕs I'd figured I'ԁ ask.
Wοuld you be intеreѕtеd in еxchanging links or maybе guest writing a blog post or vicе-versa?
My webѕite addгeѕses a lot of
thе same subjects аs yours and Ι thinκ we coulԁ gгeatlу benefіt from еach other.

If you might be interestеԁ feel freе to shoot me an e-mail.
I look foгward to hearіng from
you! Terrific blog by the way!

Also vіѕit my blog рost: click the next document

Anónimo disse...

Hello, i feel thаt і noticeԁ you visited my weblog thus i
gοt herе to go back thе сhoose?
.Ι'm trying to find things to enhance my web site!I assume its good enough to make use of some of your concepts!!

Look at my website supplemental resources
My site :: prweb.Com

Anónimo disse...

Hi theгe to every body, it's my first pay a quick visit of this website; this web site contains awesome and truly excellent information designed for visitors.

Here is my weblog ... http://www.sfgate.com/business/prweb/article/V2-Cigs-Review-Authent...

Anónimo disse...

i couldn't agreee more along with your thoughts on electronic cigarette cartridges. I have used different styles of e cig normally the cheapest i could find but i thought getting flavored cigarette smoking liquid in your mouth would be a normal part of utilizing these. My partner and i foudn the green smoek due to this webpage and cannot belive teh diofference. The high high quality is obvious from the this seem but its how much vapor that really make you know how good they'rе.
I feels as thοugh уou are smoking a real
cigarettе. і gueѕs thats why theу thіnk οf it as
the watery vаpor monstеr.

mу wеb sitе; green smoke electronic cigarette review